Histórias da Mega-Sena

Nesse meio tempo, o BMS recebeu alguns comentários, nos mais diversos tons. Gente pedindo pra atualizar, gente dizendo que ganhou (!) e outros levantando a hipótese de fraude no concurso. Tá, a loteria que mais arrecada e que mais paga no Brasil de repente sai praquele ganhador de Ripopó do Meio Oeste… hum, pensar nisso não é o maior absurdo do Cone-Sul.

PORÉM, a coisa muda quando alguém de perto, não lá de Ripopó, vem abrir o jogo pra ti. Ainda na semana passada, uma amiga e ex-colega de trabalho veio me contar que tinha sido demitida. O duro: um filhote que precisa de remédios diariamente, seguro-desemprego atrasado e nada de grana.

Ela me contou que não tinha mais o que fazer. E o que mulher resolve fazer quando não tem mais o que fazer? Faxina. Foi aí que a barra limpou: no meio da gaveta, um bilhetinho da Mega.

Parênteses: não comecem a pular, por favor.

Não foi dessa vez que conheci de perto uma ganhadora da Mega-Sena. Mas, sim, uma já conhecida amiga que deu a sorte e acertou a quina. Pô, fraude ou não, esses 15 paus são milhões pra quando o cara tá no desespero.

Nota: nome da amiga não revelado porque ela ainda quer resolver algumas coisinhas na justiça com o ex-chefe dela.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: